quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Atenas e Mykonos, Grécia

O sonho de conhecer a Grécia começou durante as aulas no curso de teatro. Um lugar que tem um deus pra tudo que é tipo de coisa, devia ser bem interessante, e é. Ja o sonho de viajar para uma ilha grega é mais antigo, da época da brincadeira de escrever em um pedaço de papel nomes de 3 pretendentes, com quantos anos iamos casar e onde desejavamos morar. Eu sempre escrevia Uberlândia (tonta!), França e ilhas gregas, ignorando que "ilhas gregas" não é um lugar especifico. Não importava, no alto dos meus 7 anos ja devia saber que as ilhas, o futuro marido e a França iam se cruzar de alguma maneira, graças à Uberlândia.

Atenas é mesmo linda e nos surpreendeu logo de cara. Uma capital agitada e moderna no lugar da cidade cheia de ruinas que pensei que fosse encontrar. Não vou ficar falando da historia nem de pontos turisticos porque isso é facil de achar na internet,vou dar dicas para você programar uma viagem ainda mais bacana.

Fuja da alta temporada (junho a agosto). Não so porque nessa época os preços são absurdamente mais altos e os lugares ficam lotados, mas também pela temperatura: os termômetros chegam a marcar 45°C! De setembro até o final de outubro, a temperatura cai e os preços também, mas durante o inverno (novembro a abril) algumas ilhas fecham completamente. Se quiser colocar uma no roteiro, descarte esse periodo.

Nos hospedamos no Hotel Presidente, a região é otima, com bares, restaurantes e metrô perto. Ao contrario da França, tudo fica aberto até de madrugada, inclusive bancas de jornal. Ao começar o tour pelos pontos turisticos, a dica é não ir diretamente para a Acropole. A entrada custa 12€, so para ela. Fomos primeiro no Olympeion e la pagamos os mesmos 12€ por um talão com tickets de 6 lugares diferentes, um deles era a Acropole. Cada entrada nos custou então, 2€. Mas esse cupom não é vendido na Acropole, jeitinho malandro de sacanear os turistas empolgados que vão direto ao ponto.

 
 
Além de muitos cachorros (eu nunca vi taaantos em um so lugar! são todos gorduchos e preguiçosos, vira e mexe encontravamos um mais engraçadinho que o outro espalhados pelas calçadas), o que mais tem em Atenas é brasileiro, ô peste! Foi o unico lugar que vi o preço do Real em destaque nas casas de câmbio. A maioria dos vendedores fala o dialeto tupiniquim e todos, sem exceção, têm alguma historia do Brasil para contar. Basta falar que é brasileiro que a gregaiada abre o maior sorrisão e arruma logo a melhor mesa do lugar para você almoçar. Ah! Foi a primeira vez que ouvi 'Zico' ao invés de 'Pelé' quando disse que era brasileira. Eh que o 'Galinho' treinou um dos maiores times da capital, o Olympiakos e vivia com a cara estampada nos jornais.

Achamos tudo tudo tudo absurdamente barato em Atenas. Da agua, aos sorvetes enormes de 1€. Da comida, aos preços das corridas de taxi. A dica é guardar espaço na mala para comprar roupas por la. Em Plaka, bairro tradicional das tavernas e arquitetura neoclassica, as lojas multinacionais estão entre as mais em conta da Europa. As etiquetas mostram os preços de cada pais e Grécia e Portugal são sempre os mais baixos. Segundo o Léo, varia de acordo com o poder aquisitivo do povo. Por isso, se a Grécia for mais um destino no seu roteiro de viagem, não compre nada em outro lugar, principalmente na França e UK.

Para saber mais sobre Atenas, visite o blog Mala ou Mochila. Um monte de informações praticas que não couberam aqui estão por la em detalhes!

 
Ir para a Grécia e ficar so em Atenas é burrice. Esticar a viagem até uma das maravilhosas ilhas acaba não custando tão mais caro. E ca entre nos, tem coisa mais chique que visitar uma ilha grega? Escolhemos Mykonos e seguindo os conselhos do blog da Juliana, ficamos no Hotel Kamari, a tarifa mais baixa que ja pagamos em hospedagem, graças a (baixa) temporada.

A ilha é maravilhosa! Com aquelas casinhas brancas tipicas e uma agua de cor inacreditavel! Vou deixar aqui as fotos lindas que tiramos do hotel, das praias e da cidade, as imagens falam por si. Mas recomendo outra passada pelo blog da Ju para saber das dicas praticas (como transporte) da ilha.

 
 
 

 
 
 
 
 

11 comentários:

Leonardo disse...

Eu so tenho a agradecer à Ju pelas otimas dicas: efxaristó!!! Mas pra viagem ser perfeita como foi, tinha que ser com a companhia perfeita, né minha pititinha?

Te amo!!!

Juliana Yonezawa disse...

Você também é uma ótima viajante!!

Eu não sabia desse ticket de 12 euros para 6 lugares diferentes!Excelente dica!! Pagar tudo isso pra ir só na Acropole é absurdo. A gente não pagou porque a entrada para estudante (de alguma instituição européia) é gratuita.

Continue postando sobre as viagens porque adoro ler!!

Ah, obrigada pelo marketing hehehe

Beijão pro casal!!

vanessa disse...

Grécia lembra história, que lembra história da arte, que lembra professora Estella (chata), que lembra stars na aula apostando quem quebra o cartão primeiro e carderninho da carol correndo "cada uma escreve três palavras", que lembra aula de interpretação,que lembra tragédia, que lembra que eu sempre chegava tarde na aula,que lembra participação especial, que lembra crise de riso, que lembra cena de 15min. feita em 3min. (inédito), que lembra repensar o curso, que me lembra que NÃO foi gravado, que me lembra que só minhas amigas sabem do que estou falando.

ps:.talvez eu não siga nenhuma das suas dicas, mas pelo menos dei muita risada relembrando coisas engraçadas.

Ana disse...

Ai, esse post me deu uma invejinha... mas das boas..rs.
Adorei!
bjos

Mr. Lemos disse...

Um dia podemos voltar todos juntos lá no Kamari pra tomar conta (em família) daquela piscina boa. Confesso que esperava mais ruínas e menos modernidade em Atenas, irmãzinha. Ainda bem que eu confio em vc e sei que Roma não vai me decepcionar...

Mirelle disse...

Irmao, vc vai amar roma, pode acreditar!

Ana e Van, vcs vao amar Roma, Grecia e todos os outros lugares que vamos juntas quando vierem me visitar!

Van, muito boa a sua associaçao! deu uma saudade danada das aulas de teatro!

beijo em todos

Mirlene disse...

Sempre sonhei em pisar as areias de uma ilha grega. Suas fotos e descrições me permitiram voar até lá por alguns istantes. Valeu!

luciana disse...

olá, esse post é antigo mas como descobri seu blog hoje e passei a tarde inteira lendo ele, achei que devia comentar...
Sou casada com um sérvio, e depois de Belgrado fomos para Grécia em junho(ainda na baixa temporada) ficamos em halkidiki. muito bom o local, ótimo preço(pagamos 150euros por um quarto/banheiro/cozinha equipada por 10 dias e com passagem de bus e seguro incluso!!!)
que saudade dos gyros...

Anônimo disse...

Oi! Mi e Leo, que viagem linda!!! Adorei as fotos. Eu estive na Grecia em setembro de 2000, durante os Jogos Olimpicos de Sidney. Lembro dos gregos chorando quando um grego(nao lembro o nome do atleta)ganhou medalha de ouro no levantamento de peso. Eu estive em Zakinthos, Ithaca e Kefalonia. Realmente os precos sao mais em conta la. Adorei o post.

Beijos!!!!

De Massachusetts.

Adriana + Elise Marie + Bill.

Anônimo disse...

Oi , Eu descobri agora seu blog , gostei muito! Eu fui na Grecia, em Mikonos quando era novinha e conheci o meu marido. Depois voltamos dois anos depois , sempre adorei a Grecia. E so conheco Mikonos. Agora ja nao sou mais nenhuma menininha, e na minha mente Mikonos ficou como um lugar muito louco, cheio de Raves e nudistas. Nada contra , super animado. Porem , ja passei da idade. Qual foi a sua impressao , continua assim, tipo Ibiza. Ou da pra curtir a dois numa boa?

Mirelle Siqueira disse...

Estivemos la quando a alta temporada ja estava no fim, então não pegamos um periodo de muita agitação e festa na ilha. adorei tudo o que vimos por la e achei tranquilo e adequado para todo tipo de gente. acho que continua dando para curtir numa boa sim, até pq Léo e eu somos super tranquilos e pouco festeiros e adoramos.

Leia também:

Related Posts with Thumbnails