domingo, 24 de janeiro de 2010

Minha primeira noite com um francês

Resolvi entrar na onda de receber amigos em casa para uma noitada de degustação e boas risadas, a tradicional soirée. Na listinha de convidados, um em especial me deixava apreensiva, era francês. A mesa estava farta com diferentes tipos de queijos, vinhos e aperitivos genuinamente produzidos na terra dele, mas sucesso quem fez mesmo foi o meu salpicão - principalmente com o paladar do françola que se juntou a nos.

E não é que o dito cujo me surpreendeu? Chegou cheio de marra, falando um português perfeito, nada de "eu querer vinho". Uma conjugação de verbos tão correta, de fazer inveja a muitos brasileiros espalhados por aqui (e por ai). Cantou Victor e Léo, se divertiu com a sessão cover dos Mamonas Assassinas (que o Léo pensa agradar os convidados), riu a noite toda, foi simpatico e contou piadas. Contou piadas?? Sim, o francês contou piadas!

Confesso que minha impressão sobre eles havia mudado um pouco desde que escrevi aqui sobre o mau humor que predomina na França. Antes parecia um bando de paulistano em dia de garoa e trânsito caotico - nada que ja não fizesse parte da minha rotina. Mas depois passou a me incomodar, percebi que na França o azedo coletivo beira o insuportavel. Quem diria então que a imagem seria desfeita tão rapidamente na sala da minha casa?

Meu primeiro amigo francês ainda teve paciência para tirar uma porção de duvidas que me pertubam cada vez que escrevo um post sobre eles. Esbanjou paciência ao explicar por horas a dificil relação do seu pais com os imigrantes do norte da Africa, concordou que francês realmente não gosta da lingua inglesa e usou a 'vergonha de falar errado' como motivo principal. Expôs razões coerentes para justificar a fama de grossos e as poucas palavras dos prestadores de serviço, aguentou com a maior elegância um monte de brasileiros apontando os defeitos da França sem fechar a cara por um minuto sequer. Minhas esperanças de encontrar na França amigos parecidos com os que deixei no Brasil estão renovadas.

*Atualizando o post em Agosto/2010: esse tal francês acabou se revelando um grande babaca! 

14 comentários:

Nanci disse...

O seu blog é fofo...parabens. Eu fiquei uns tempos em Lyon, mas era muito jovem e nao aproveitei tudo. Realmente o francês tem uma fama de não gostar de tomar banho, por isso as maravilhas dos perfumes franceses...será??? Tenho uma amiga francesa que trabalha comigo e ela é bem tipica francesa: linda, chic, elegante e um pessimo humor...hahaha
Beijos
Nanci
xxx

Adriano disse...

Proximo post: explicitar as razões coerentes para explicar a fama de grossos!

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil! - disse...

VejaBlog
Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil!
http://www.vejablog.com.br

Parabéns pelo seu Blog!!!

Você está fazendo parte da maior e melhor
seleção de Blogs/Sites do País!!!
- Só Sites e Blogs Premiados -
Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre
os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!

O seu link encontra-se no item: Blog

http://www.vejablog.com.br/blog

- Os links encontram-se rigorosamente
em ordem alfabética -

Pegue nosso selo em:
http://www.vejablog.com.br/selo


Um forte abraço,
Dário Dutra

http://www.vejablog.com.br
....................................................................

Leonardo disse...

Deu pena do coitado quando fizemos ele explicar porque aqui na França existe a tão famosa "luva de toilette".

Osimar disse...

Eu acho que o humor do frances é que os fazem muito charmosos. Quanto a ser grossos posso dizer que vivo em Paris ja ha anos e que os acho muito educados, porém para conseguir vivenciar isso temos que usar de educaçao. Um Bonjour, s'il vous plait etc fazem mais do que parte do codigo social frances e quando voce nao conpreende isso corre o risco de viver situaçoes desastrosas. Pessoalmente gosto dos franceses e entendo o seu modo de viver.

Mirelle Siqueira disse...

Nanci, seja bem-vinda ao bloguinho! No começo eu estava aberta a discussões sobre o cheiro ruim dos franceses, mas agora não argumento mais, fedem e ponto final! heheheh

Dri, o post ja esta saindo do forno e os argumentos sao realmente muito bons!

Leo, meu amor, ele ficou todo vermelho pra responder ne? tadinho, rs.

Osimar, desculpa mas discordo. Tem horas que bonjour nenhum amolece o coração dos vendedpres de loja! Os franceses sao educados sim, mas muito mau-humorados e sem paciencia.

Pessoal, viram que bacana? o Blog foi premiado pelo site da Veja. Estamos crescendo!

Beijos

Juliana Yonezawa disse...

Logo logo é você que vai cantar em francês num próximo jantar...

Mr. Lemos disse...

Os franceses que vivem aqui na minha terra são todos malucos, cachaceiros e engraçados. O que falta na vida dos mau humorados é um pouco mais de mineiros e paulistas...

Luis disse...

Oi!
Peço desde já mil desculpas pela opinião... sei que muitos não vão gostar.
Fui para a França apenas três vezes, não falo francês, mas estando lá, sei que as palavras mágicas são as mesmas que em qualquer outro lugar: "bom dia", "por favor", "obrigado" e "desculpe"... de preferência em francês... ou uma tentativa de francês, não se preocupe, eles sabem quando você tenta se comunicar com eles...
Jamais percebi (nem procurei perceber) se eles tem um cheiro diferente ou não... Jamais percebi que eles agissem diferentemente de qualquer outra pessoa, respondendo gentileza com gentileza ou grossura com grossura.
Assim, fica minha sugestão paa o blog: em vez de ficar reparando nos detalhes, Mirella, curta a sorte de estar em um lugar tão civilizado...
Luis

Mirelle Siqueira disse...

Oi Luis, seja bem-vindo!

O blog e a blogueira não tem intenção de falar mal ou denegrir imagem de ninguem, nem franceses, nem brasileiros. Eh um blog divertido e tento escrever de maneira engraçada as impressões que tenho sobre as pessoas e situaçoes. Falo bem da França o tempo todo, mais ate que do Brasil, por isso estou aqui. Mas nao vou negar que o cheiro nao me agrada, nem que os acho secos. Sao educados, porem secos. Se você ler outros posts e continuar acompanhando o blog vai perceber rapidamente como eu amo estar aqui e como falo bem de muitas coisas! Volte sempre para dar suas opinioes!

Ju e Ernani, vocês estão certos! hehehe

beijos

luiza disse...

Oi Mi,

olha acho q nao existem muitqs regrqs pqrq estereotipos...existem franceses de todos os tipos, eu mesma sou quase casada com um e sei mto bem disso. é claro q a cultura é importante,mas ela nao é tudo...

adorei o post e a sua apreensao com seu convidado frnaces!!!hehehehhe

grande bjooo
lu
www.oguiadeparis.blogspot.com

Hismenia disse...

Ta vendo Mi, as aparências enganam..tudo é uma questão de dar oportunidades. Mas convenhamos, odeio quando isso acontece comigo!!...kkkkk....

camila disse...

oi prima..seu blog e muito gostoso de ler e super interessantes os assuntos que voce aborda no seu dia a dia. parabens pelo seu casamento, felicidades e que Deus te proteja sempre.beijo

Tânia Barreira disse...

Soltei uma gargalhada com a actualização do post. Infelizmente muitas vezes é assim.. os mais simpáticos ao inicio são os mais falsos..

Leia também:

Related Posts with Thumbnails