domingo, 29 de agosto de 2010

Nem tão estranhos assim

Eles são assim mesmo: colecionam cupons de descontos, preferem tênis ao futebol, não gostam de muito sal na comida, comem queijos como sobremesa. Cheios de manias que me causam estranhamento (como ja listei aqui), mas também com alguns habitos interessantes, que facilitam a vida da gente. Alguns desses habitos ja estão totalmente inseridos no meu dia-a-dia:

1 - Carregar minha propria sacola para o supermercado. Tenho sempre um saco plastico dobrado dentro da bolsa e o Léo carrega uma sacola reciclavel maior no carro. Tudo isso porque as sacolas plasticas que estamos acostumados a receber aos montes nos supermercados no Brasil, são proibidas na França. Não é nada incomum ver pessoas saindo dos mercados com melões e pacotes de papel higiênico nas mãos porque esqueceram suas sacolinhas e não querem gastar 10 centavos para comprar uma nova. O pessoal aqui ja entendeu que o consumo deliberado das sacolinhas prejudica a natureza e por isso colabora, carregando cada um a sua propria sacola plastica, de pano ou carrinhos de feira para levar as compras para casa.

2 - Beber agua de torneira. A agua da pia aqui é potavel e todos os restaurantes colocam uma garrafa dessa agua na sua mesa assim que você se senta. No começo evitei, mas acabei cedendo e me acostumando com o gosto (sim, tem gosto!). Ja que não bebo alcool e os sucos naturais são rarissimos por aqui, o jeito é abusar da agua de torneira nas refeições. O bom é que, sendo de graça, a conta fica mais barata.

3 - Bricolage. Essa é uma mania nacional que começa muito cedo aqui na França. Os pais costumam presentear os filhos com jogos de ferramentas para construir coisas, na esperança de que quando adultos eles consigam trocar os fios elétricos de casa, pregar prateleiras, resolver os problemas de encanamento... Como mão-de-obra por aqui é muito cara, todo mundo se vira sozinho com os reparos de casa. O Léo e eu entramos nessa onda, somos nos que fazemos todo e qualquer tipo de serviço braçal aqui no nosso cafofo. Mentira, so o Léo.

4 -
Ler o tempo todo. Basta andar de metrô para ver que a leitura é o passatempo preferido dos franceses. No Brasil eu costumava curtir o ocio de uma maneira menos intelectual, mas por influência do meio acabei me acostumando a ter sempre um livro ou jornal por perto para me entreter. Nas estações de metrô, alguns jornais são distribuidos de graça pela manhã, e para encontrar livros bons e baratos basta entrar em um dos inumeros sebos da cidade.


5 - Olhar a previsão do tempo. Meteorologia esta para os franceses assim como o futebol esta para nos, brasileiros. Ninguém sai de casa sem dar uma espiada em algum site ou assistir à previsão na TV. Quando acordo faço como todos os franceses, olho logo para o termômetro para saber quantos graus faz la fora. Sério, estou viciada! Pelo menos o assunto nos encontros de padaria e elevador estão garantidos, ja que francês, quando não tem intimidade com alguém, so fala sobre o tempo. E não pense que é superficial, eles são capazes de elaborar teses complexas sobre o assunto. Eh como encontrar uma Rosana Jatoba em cada esquina.

6 - Tirar os sapatos ao entrar em casa. Na minha casa nunca teve isso. Os mesmos calçados que perambulavam contentes pelas ruas, transitavam imundos dentro de casa. Também não me lembro de ter que tirar os sapatos para entrar na casa de amigos no Brasil. Aqui é quase lei, ninguém anda de sapato dentro de casa. Hoje me parece tão mais logico e higiênico, que não sei como não fazia isso antes.

7 - Passar os domingos no parque. Morei mais de dez anos em São Paulo e so fui ao Parque do Ibirapuera uma unica vez. Na terra da garoa, domingão é dia sagrado de ir ao shopping. Aqui, o comérico todo fecha as portas e a melhor opção é se jogar na grama de um parque qualquer. Dificil é achar lugar para estender a toalha, ja que todo mundo tem a mesma ideia. Mas é uma delicia, muito mais agradavel que ficar olhando vitrines em corredores fechados enquanto o sol brilha la fora.

8 - Separar o lixo. A pratica, ainda pouco habitual no Brasil, é super comum por aqui. A cidade é toda preparada e os moradores são muito conscientes sobre esse dever de cidadão. Na nossa cozinha temos dois lixos, um para os restos de comida e outro para os reciclaveis: papel, latas, garrafas plasticas. Nos prédios também existem lugares especificos para os lixos, depois passam os caminhões preparados para esse tipo de coleta. A tal historia do "se cada um fizer a sua parte" nesse caso funciona bem.

9 - Comer menos, mais vezes ao dia. Abundância de comida é uma coisa que não se encontra nos pratos franceses, fato. Eles estão acostumados às pequenas porções, que somadas à entrada + sobremesa até que enche a barriga por algumas horas. Depois, comem uma fruta ou tomam um iogurte para esperar a proxima refeição. O jeito certo é esse, dizem os especialistas. Comer menos quantidade, mais vezes ao dia. Por isso o povo aqui é magro e saudavel. E como eu sonho em ser como eles, estou tentando deixar de lado a montanha de arroz e feijão que sempre esteve presente nos meus pratos.

10 - Deixar as ligações cairem na secretaria. O povo aqui não se apavora para atender telefone não, deixa cair na caixa postal. A ligação para ouvir os recados é gratuita, então por que atender aquele chato que esta ligando na hora errada? Não lembro de ser tão desencanada assim com telefone no Brasil. Se eu esquecia o aparelho em casa, voltava correndo para buscar. Aqui as pessoas têm o habito de chegar em casa e colocar a secretaria para tocar. O mesmo vale para celulares, é muito natural as pessoas não atenderem porque estão ocupadas ou sem vontade mesmo. Quem liga deixa recado e depois a outra pessoa retorna, sem precisar inventar desculpas por não ter atendido mais cedo.

29 comentários:

Gabriela Cristal disse...

Quando estive na França percebi todos esses costumes e gostei bastante, aliás acho que me adaptaria muito bem morando por ai.
Sempre que eu ia ao supermercado tinha que comprar sacolinhas, rs.
Bjos.

Maga. disse...

Realmente bons hábitos a gente tem mais q imitar.A única coisa q acho estranho é domingo no parque, pelo fato de sentarem na grama.Ouço sempre falar em não pisar na grama, n jogar papel, etc...como qualidades do primeiro mundo.Embora qdo aí estive ( outono) vi os jardins sempre mto bem cuidados e a grama viçosa.
Legal o post
um abç

aLiNe disse...

Ótimo post! =)
Hábitos bons devem ser divulgados mesmo!
Bjos!

Mirelle Siqueira disse...

Pois é Maga, eu tb estranhei quando vi. Mas aqui pode! Todo mundo se joga nos gramados dos parques ou em cima de qualquer area verde da cidade. Nao tem plaquinha "nao pise na grama" porque é super permitido. No inverno nao tem isso, claro. mas basta o sol começar a aparecer que todo mundo se joga nos gramados parecendo lagartixa! heheheh, eu adoro! E ainda levam toalhas e muitas comidas para fazer pic-nic, mas isso é assunto para um outro post..

beijinhos meninas!

carlos henrique disse...

duas observaçoes : quando falo que a gente tem que comer 6 vezes ao dia, ou seja de 3 em 3 horas eles apavoram !! hehehehe a grande maioria (dos franceses que eu conheço) come 3 vezes por dia, e so... nem uma frutinha eles comem fora das horas tradicionais de comer (café da manha, almoço, janta).

Aqui realmente é legal a coisa da sacolinha... mas, como quase tudo na França, existe um lado negro da força hehehehe ja reparou a quantidade de embalgens para os produtos de supermercado ? você compra uma bolacha, que vem dentro de um plastico, que vem dentro de uma caixa. E isso porque sao so umas 6 bolhachas... e cada 3 ficam separadas em plasticos diferentes... isso me errita muito, pq vc se preocupa com a sacolinha, mas nao se preocupa com a produçao de lixo... e isso influencia na reciclagem, eles reciclam mais, pq produzem mais lixo... e nao tem espaço pra enterrar toda essa lixarada hehehehe

vc citou otimos habitos franceses.... cito mais dois : comprar produtos de estaçao, o que é ecologicamente correto... e dar preferencia na compra de produtos regionais ou vindos de outro lugar da França... assim o dinheiro fica na sua propia regiao, ou no seu proprio pais, o que ajuda no crescimento do pais, na criaçao de empregos etc... além de ser ecologicamente correto tb (uma fruta que vem da espanha traz com ela queima de combustivel, etc.).

Esses habitos eu peguei pra mim :)

bjos

CH

Glenda Dimuro disse...

A maioria dos hábitos são parecidos com os dos espanhóis. Agora fala sério, aqui não tem gordo! Comendo tanto queijo e pão, como esse pessoal consegue manter a linha?

Mirelleeeeee tô em Paris. Que frio, mulher, ontem quase congelei e isso que trouxe roupa de inverno! Sempre que venho à Paris acontece o mesmo... e eu não aprendo! Beijos! Quarta te ligo! :P

Mr. Lemos disse...

Então acho que os hábitos são europeus mesmo. Pq temos muito de tudo isso aqui na minha ilha tb. A única diferença, no meu caso, é que eu como muito, muitas vezes ao dia. Mas isso deve ser só a fase de crescimento...

K∂riиє* Smith. disse...

Os hábitos são bem parecidos , acho que é um post geral sobre europeus...com exceção do comer pouco, mais vezes ao dia, claro! hahahaha

Fernanda disse...

Eu tbm ja me acostumei com tudo isso. Aq sacolas reciclaveis, levo um monte cada vez que vou pra BH e faço lavagem cerebral em todo mundo. E tirar o sapatos tbm acho otimo! Inclusive qdo temos criança em casa é mais higienico mesmo. Agora concordo com o Carlos, que disse acima,que horroriza com a quantidade de embalagem. Isso é um saco mesmo. Cada vez que vou ao supermercado, ao arrumar tudo, meu lixo fica lotado.Haja trio que agunte!
Beijos!

[ARNON] disse...

Certa vez, encontrei umas francesas perdidas aqui na minha cidade e resolvi fazer a gentileza de acompahá-las até o centro comercial... Ao chegarmos em uma loja, elas compraram e, na hora de levar os produtos, tiraram as sacolas de plásticos (aquelas chamadas "retornáveis") e colocaram tudo dentro... Recordo-me que achei muito estranho, mas na hora pensei "deve ser uma questão pessoal"...rsrs... Não consegui ligar a esse aspecto cultural, mesmo porque nunca havia visto isso. Agora entendo.

Excelente post, viu? Abraço...

Leonardo disse...

Amor,

Eh engraçado que eu acabei absorvendo alguns destes habitos naturalmente (reciclar lixo, levar sacola pro mercado, ficar viciado em meteorologia), ja outros como o de "bricoler" foram mais pela necessidade mesmo. Rs

O pessoal aqui do escritorio é uma prova viva do item "comer menos e mais vezes". Na hora do almoço comem umas porções de passarinho e se impressionam com o meu prato quanto trago comida feita em casa. No meio da tarde costumam comer frutas como banana, kiwi e maçã entre outras. Na época da clementine, o escritorio fica com cheio de feira livre. Esse habito eu acabei pegando tb. Se não como a minha maçã do final da tarde, chego em casa morto de fome.

Mas o mehor mesmo é ir pro parque "lagartar" no sol com você!

Bjim

Mirelle Siqueira disse...

ihhh caique, esses seus amigos franceses são made in china, hehehe ou entao tem uma rotina corrida demais! nao sei como um francês pode aguentar so tomar cafe, almoçar e jantar sem comer nada entre as refeiçoes se eles comem como passarinhos, como disse o Leo!!

Karine e irmão, os irlandeses tem essa loucura por meteorologia tb???? mas ai é facil prever o tempo: chuva sempre ne?

glenda! eu te falei que tava friozinho por aqui! hehehe, mas é verdade que de domingo pra ca a temperatura deu uma caidinha! aproveite bem essa cidade lindaaaaaa ai! (inveja!)

pois é Arnon, to sabendo que no Brasil ja estao tentando implantar a lei das sacolinhas em alguns estados. tomara que a coisa pegue e que o brasileiro se adapte tb, pq é super pratico, uestao de se acostumar mesmo. como aconteceu com a fernanda!

eu tb amo nossos domingos ociosos na grama do parque amor, esse tb é meu habito frances preferido! te amo!


beijocas gerais!

Blog da Pandinha disse...

Amiga, minha filha AMA a França e sonha em morar aí, mas não por tantos benefícios como os 10 citados agora, mas PARA NÃO TOMAR BANHO TODOS OS DIAS. Suininha né? Besitos

Mirlene disse...

Filha,

Ótimo post! O hábito mais difícil de imitar é o de comer pouco. Os outros tiro de letra.
Beijo.

Mirelle Siqueira disse...

hahaha, tava sentindo saudade da Ursula polêmica. Foi ela quem disse gente, não eu hein?

Mãe, que mentira!!! Quando a senhora veio aqui a gente teve que comprar agua no restaurante pq vc nao quis da torneira! Ai no Brasil a senhora nao tira os sapatos ao entrar em casa, mas manda bem na bricolage! Minha mae inventou de sair pregando quadros pela casa toda e arruma td sozinha ne mae? AH! Pode trocar os domingos no shopping pelo parque tb que vai te fazer muuuuuito bem dona Mirlene! heheheh

te amo, muitos beijos!

Jeni disse...

Ótimos informações! Adoooooro teu blog e comecei a ler todo dia! Beeijos

Adriana Pessoa disse...

Mirelle,
fora comer pouco (estou com a sua mãe!) sou quase uma francesa!!!
Bjs

Juliana Yonezawa disse...

Eu também adoro deixar a secretária eletronica atender os chatos, principalmente o povo do trabalho ligando em dia de folga heheheh

Karol Nascimento disse...

Estou começando a achar que somos nós, os brasileiros que somos diferentes do resto do mundo. Dessa sua lista, só o de comer pouco não está na rotina do americano. Todo o resto é igual.

Tatiana disse...

Nossa Mi..me identifiquei em varios..rsrs.
Quando eu morava na California, que foram 8 anos, tambem nao andavamos em casa de sapatos, o dificil era quando entrava gente que nao conheciamos(tipo trabalhador..etc..),com amigos nao tinha problema porque a maioria tambem adaptava esse esquema nas suas casas.
hahaha...e a da secretaria...sou eu!!!Seeempre deixo, mas por preguica mesmo, detesto telefone, a noite entao..nem pensar..rsrs
Foi bom que vi que não sou a única louca!!
Adorei o post!!
Beijos!!

Ticianne disse...

Mirelle

nunca estive na França, mas adoro ler seus posts e saber como é que se vive por aí... além das suas aventuras e desventuras também. :)

poxa, coloca um feed rss no teu blog... queria muito receber na minha lista de leitura sempre que você postasse...

Aproveitando: eu vim conhecer o teu blog por causa do teu vestido de noiva, acredita? Achei o mais perfeito do mundo e queria ver as fotos... assim conheci teu blog e sempre venho ler!!

Abração!!

Jeni disse...

Já que a Ticianne comentou sobre o vestido, tenho a obrigação de falar que também amei ele, muito muito lindo mesmo!
adorei a proibição de sacolas plásticas. Mas e o lixo de casa, vai para o lixão como?

abraços!

Mirelle Siqueira disse...

Jeni, quem reaproveita as sacolinhas do supermercado nos lixos do banheiro e da cozinha (como faz a minha mae) ja ta colaborando de alguma forma! como aqui nao tem as sacolinhas, a gente tem que comprar outras para os lixinhos.... de uma maneira ou outra, acabamos usando.

Meninas, obrigada pelos elogios ao vestido e ao blog! Se alguma de vcs se interessar, o vestido esta a venda, heheheh!

Ticiane, siga no twitter que eu sempre aviso quando tem post novo no blog!!!

Beijocas!

Cristin disse...

Amei conhecer seu blog!!
Vou aprender mto sobre a França por aquí!!!! Fiquei encantada!!!
Bj bonita

Cristin disse...

Tbm tô te seguindo no twitter!
@onlycristin

Anônimo disse...

Boa noite Mirelle,

Sou de BH e esta questão da sacolinha no supermercado já está em uso, se vc leva sua própria sacola tem supermercado que dá desconto e outros apenas incentivam usar menos sacolas ou usar caixas de papelão dos produtos do supermercado.
Eu também faço reciclagem do lixo e meu prédio participa da coleta seletiva da prefeitura.
Agora beber água da torneira aqui, sem chance, aí eu tomo desencanada.
Deitar no parque no final de semana é meio difícil, ou tá lotado de farofeiros sem qualquer educação ou o lugar é perigoso, tem assaltantes.
Esta do sapato tbém eu faço, eu chego em casa e ponho as minhas havaianas que eu uso em casa ( no frio0 e no calor eu ando descalça prá liberar as energias.
A questão de comer pouco muitas vezes ao dia, viiixe, tá danado...rsrsrsr.
Continue divulgando estes bons hábitos.
Seu blog é demais.
Bjs
Dedé

Gi disse...

Olá Mirelle. Td bem?
Aqui no Brasil, tb temos que carregar nossas próprias sacolas agora.
As sacolinhas agora são feitas de amido de milho e custam R$ 0,19.
Adoro os seus post.
Tb adorei o seu vestido de noiva.
Beijos,
:)

Eliane, a Lia disse...

Olá Mirelle,
virei mais uma fã so seu blog!
Quando realizei meu sonho de ir à Paris, comprei uns posteres numa loja perto do Centre Pompidou e eu pedi uma sacolinha para o vendedor. Ele disse que era alguns centavos, e fiz um charminho para ver se ele me dava de graça. Aí ele falou "un bisou" e eu não entendia... até ele fazer o gesto com a boca kkkkkkkkkkk se ainda fosse gatinho, até rolava, mas era aquele francês nada atraente... mas ele ficou com peninha e me deu a sacolinha de graça rssrsrs

CarlaZ disse...

Hoje ta sendo dia de passear pelo seu jeito de ver a França, caindo de post em post, e sabe de uma coisa, acho que me adaptaria. Vou te mandar meu CV hein hehe
Beijo

Leia também:

Related Posts with Thumbnails