terça-feira, 19 de abril de 2011

Produits de saison

Uma das coisas mais dificeis para mim aqui na França é acompanhar o calendario das frutas e legumes. Minha mãe sempre manteve a geladeira cheia com maçãs, laranjas, maracujas, melões, bananas... o ano todo. Aqui é bem diferente. Não existe a enorme variedade de frutas que temos no Brasil e o que tem so aparece em temporadas. Agora em abril, por exemplo, é a época do kiwi. 

Outra fruta que toma conta das feiras na primavera é o morango, mas como eu sou louca por morangos com leite condensado, acabo não resistindo e comprando pelo menos uma caixinha durante o inverno. O maridão também da as suas escorregadas, mês passado levou melão para o trabalho e foi reprimido pelos colegas: "melão em março? Deve estar meio aguado, né?". Sim, estava. Mas os franceses ja nascem sabendo lidar com essa escassez de frutas, ja o brasileiro precisa de mais tempo para se adaptar. E até que estou indo bem. Durante os 3 meses mais rigorosos do inverno, me entupi de mexerica - uma fruta que eu não consumia muito no Brasil. Quando eu estava começando a gostar da rotina de comer pelo menos duas todos os dias, acabou a temporada e mexerica de novo, so em outubro do ano que vem.

Os franceses fazem muita campanha para incentivar o consumo dos produits de saison (produtos de época) e que sejam produzidos na região: "os morangos amadurecem antes da estação na Espanha? Espere mais um mêszinho e você tera os deliciosos morangos da Alsace (nordeste da França)". Quando você come bananas que têm gosto de agua, você passa a entender melhor esse raciocinio. Por causa do transporte, frutas e legumes importados são mais caros que os produtos locais. Outro bom argumento em favor dos produits de saison é o gosto acentuado que esses alimentos não têm fora das suas temporadas. Sem falar que é mesmo mais saudavel comer produtos que amadurecem no pé e que não precisam da ajuda de agrotoxicos para crescer fora da época nem de conservantes para sobreviver a uma longa viagem. 

Infelizmente, a França não produz todos os alimentos, então os supermercados enchem as suas prateleiras com limão do Brasil, maracuja do Peru, laranja da Espanha, tomate do Marrocos e banana da Martinica. Aqui em casa ja entendemos que consumir os produits de saison é melhor para o meio ambiente, para a nossa saude e claro, para o nosso bolso; So que vez ou outra a saudade bate mais forte e a gente acaba pagando 15 reais por uma manga que veio da Bahia.

35 comentários:

Glenda Dimuro disse...

A Espanha é o maior exportador de frutas da Europa (dizem que é a "estufa" da Europa). Mas engana-se quem pensa que os produtos de época não levam agrotóxicos, pois a imensa maioria leva sim! Se queres comer sem nadica de nada de fertilizantes químicos, tens que comprar produtos com a etiqueta da UE de ecológicos, ou como eu, que compro direto do agricultor sem nenhum atravessador. A época aqui é do abacate... tô com uma tijela de abacate com açúcar aqui do meu lado. Infelizmente, mesmo sendo ecológico, não é igual aos nossos no Brasil. Não há fruta igual a do nosso país tropical...

Leonardo disse...

Eh amor, a maça que eu comi hoje tb não tinha gosto de nada. Dizem que a temporada vai até abril, mas pra mim a desse ano ja acabou. O jeito é ir mudanode de fruta preferida. Rs

Bjim

Mr. Lemos disse...

Essa luta aí eu conheço bem, irmã. A minha diferença é que aqui, não importa a estação, a maior parte das frutas vem de fora. Parece que só nasce mesmo batata nessa pequena ilha tão linda. Sendo assim, tive que aprender a comer as frutas que foram congeladas pra viajar de navio... o paladar não agradece, mas se acostuma...
bjoca

Mirelle Siqueira disse...

Vida boa a gente tem é no Brasil, né? Vejam so, a Glenda mora na Espanha, maior exportador de frutas da Europa e mesmo assim come fruta com gosto de vento. O Ernani mora na Irlanda, lugar que so planta batatas e consome sem culpa os produtos importados dos outros Paises e eu e o Léo sofremos com a pressão de comer so o que se produz aqui na França, sabendo que a variedade é pequena e o que tem não é tão bom quanto o que vem do Brasil. Coisas da vida...

Iara Fonseca Schmidt disse...

Quando cheguei aqui achei estranho a principio, mas depois me acostumei e até gostei da idéia. Tem épocas que fico esperando chegar, por exemplo pra comer as deliciosas cerejas e nectarinas e pêssegos e abricots ! Acho gostosa a sensação de esperar pela fruta da estação :) Mas confesso que banana e maçã estão praticamente o ano todo na fruteira daqui de casa.... nem tudo é perfeito rs

Patty disse...

Nossa, a gente é feliz e não sabe! Em pensar que minha fruteira está cheinha de bananas suculentas, maças e mangas de dar água na boca só pelo cheiro, hummmmmm. Vou ficar por aqui e deixar vcs com inveja! hhehehehee.
Se quiser, mando umas pra aí, topa?! rs

Bjos

Idiótica. disse...

Não sabia que tinha essa escassez de frutas assim, por períodos. Aqui também tem as épocas para frutas, chamadas ''frutas sazionais'' que só dão em um certo período, por isso se estoca grande parte da polpa dessas frutas para congelar, aí temos o ano todo.
No Brasil não podemos ter frutas sempre, por exemplo as mangas ficam mais suculentas no verão, mas temos a maioria. E isso faz toda diferença.
Kiwi é muito ruim rs.. Bom, mexerica é muito gostosa. Aproveitem então os produits de saison, claro pela saúde que importa mais do que o preço. (:
Beijos

Mirlene disse...

Filha,

Eu como gosto muito de frutas sinto falta de salada de frutas frescas quando vou à Europa. Não me conformo de servirem aí saladas industrializadas.Uma das grandes vantagens de morar em São Paulo é exatamente a fartura de frutas o ano todo. Mas nada se compara a comer goiaba apanhada no pé da casa de minha mãe em Patrocínio, MG.
Beijo te amo

carlos henrique disse...

Essa foi uma coisa que aprendi aqui tb... evitar de comer produtos fora de época e tals (por tudo isso ai q vc falou)... no começo de abril fui comprar morangos (da França, que ja é epoca e que sao melhores q do que qualquer outro morango que ja comi na vida hehe) e encontrei um monte vindos daqui da França mesmo, so que cultivados em estufas à gas, pq ainda nao tivemos muito sol para a produçao de morango "mais natural", dai nao comprei, pq respeitar produtos de época, mas nao respeitar seu modo de produçao é foda tb... mas semana passada nao resisti e acabei comprando, sem perguntar, para a consciencia nao ficar pesada hehehe mas a partir de agora a gente acha morangos "de sol" mesmo...

eu passo longe de produtos da espanha, muito agrotoxico e com gosto de nada... os produtos sao sempre lindos, mas sem gosto nenhum....

é legal ver tb que mesmo os 'frutos' do mar tem época, tipo ostra (todos os meses do ano que tem 'r' no nome); Noix de Saint Jacques (se nao me engano começa em setembro e vai até fevereiro); e camarao (igual, de setembro até março, nao me lembro direitinho)....

bjos

CH

K∂riиє* Smith. disse...

Olha Mi, aqui apesar da maioria das frutas serem importadas do Brasil, elas não tem o mesmo gosto, fato, não me pergunte o por quê, talvez pelos conservantes e tals.
Eu não morro por uma fruta, mas aguardo ansiosa a estação dos moranguinhos vermelhinhos e doces!

Enjoy!

xxx

ALVES DE MORAES, Gustavo disse...

Acho até bem bacana isso de época (pra quem nao tem desejos momentâneos), e outra coisa é que aqui a gente compra as frutas "importadas" por preços acessiveis (em alguns casos). Minha sogra até disse que limao verde aqui no mercado perto de casa, o simply, tava mais bonito e mais barato que no mercado perto da casa dela.
Ah sim, tem esse detalhe: aqui a gente compra fruta brasileira tipo exportaçao!!! Chique no urtimo!!!
Eu estava trise até outro dia, pq o q mais me fazia falta era um bom açai batido com guarana e banana: resolvido, uma loja em Paris vende! E sinceramente nao deixa nada à desejar!!!! Claro que quando abri o pote, as 500g desceram mais rapido que agua!!!!!!

Valéria disse...

Oi Mirelle!
Não sei no sul do Brasil,de onde vocês são, mas aqui no nordeste existem também as frutas da época e as outras ficam com o preço nas alturas e com sabor duvidoso. Acho que se você não compra uma fruta de boa procedência, qualquer que seja a fruta e em qualquer lugar ela é aguada, sem gosto. É muito complicado isso hoje em dia! Usam muito agrotóxico, colhem cedo e fazem amadurecer na marra e isso vai fazendo perder qualidade! Bjo

Mirelle Siqueira disse...

Gente, eu tô falando de frutas basicas como melão, mamão, laranja, banana, maçã! Frutas que no Brasil a gente tem o ano todo (claro que em algumas regiões mais caras ou em menor quantidade, mas o ano todo!). Aqui nem isso não tem! Valéria, como minha mãe falou ai em cima, tudo passa por São Paulo, então nunca falta fruta nenhuma la (em Minas eu tb nunca senti falta dessas frutas basicas!). Mas claro que no Brasil tb temos as frutas de estações.

E olha, Gustavo, Iara, Caique e todo os outros que estão falando que gostam desse rodizio de frutas, tiro o chapéu pra vcs, pq eu não gosto NADA desse esquema. Acho legal sim a surpresa, mas odeio esperar 9 meses pra comer uma manga decente, rs.

beijos!

* disse...

Mirelle!! Adoro ler seu blog, ainda bem que vc continuou dando vida a ele.
E olha, uma pena que mts brasileiros não dão valor às nossas frutas e as barracas de feira cheinha delas, eu msm tenho 1 irmã que não come nem cheiro de fruta há anos.
Eu faço questão não só de comer uma por dia, mas de acordar e já tomar um belo suco de maçã com pera e outras frutinhas mais que tiver em casa. Faz tanta diferença comer essas coisinhas fresquinhas na nossa vida.
Bjs
Van

Tati disse...

Mas aí na França tem umas coisinhas divinas que não tem aqui no Brasil!!! Quer dizer até tem, mas daí é a nossa vez de come-las congeladas, com gosto de vento, água, de nada... são as famosas frutas vermelhas!!! Framboesas, groselhas, mirtilos e companhia que aí se encontra "in natura"!! Não sei se é sempre que tem ou se são de época, só sei que fiquei encantada com as banquinhas de frutas vermelhas que vi em Annecy, e com as tortinhas de framboesa daqueles cafés Brioche Dore que tem em todo canto de Paris! Todo dia comia uma! Huuuum....

Anônimo disse...

mirelle desejo a voce a seus amigos do blog e a sua familia uma feliz Pascoa e a todos de lyon tb beijos elizabeth guttler

Eliane, a Lia disse...

putz, eu comi cereja, cereja fruta de verdade na itália... uma delícia!!!! mas quando fui comer banana em bordeaux... juro, quase vomitei. tinha gosto pior que banana d'agua (que eu naão gosto de comer). mas ia sentir muita falta das frutinhas da vitamina (banana, maçã e mamão)

Anônimo disse...

Oi, Mirelle! Morei na França, em Nantes, por 5 meses, e quase nao comia frutas pq eram extremamentes caras pro meu bolso de estudante que economizava cada centavo pra poder viajar! kkkkkkk Mas me lembro bem de uma vez que comprei bananas, quase verdes, e elas apodreceram em 3 dias (na primavera, sem mt calor!). Fiquei bem decepcionada e passei a comer apenas maça e mexerica tb! as mais baratas! hehehehehe Em compensaçao, sinto a maior falta até hj (3 anos depois!) de comprar vinho premiado por 3 euros, tomar iogurte ultra cremoso e ter aquela infinidade de queijos a escolher por um preço beeem baratinho!!! Viva as diferenças!!!! O jeito é saber aproveita-las!
E obrigada pela promessa do café um Lyon...um café em Floripa tb tem o seu valor, hein!!!
=)
Bjos,
Mari/Fpolis

ALVES DE MORAES, Gustavo disse...

Ah Mi! Logo logo vc vai aprender à ser mais paciente, quando tiver que esperar 9 meses por uma novidade na tua vida!!! KKK

Kladina disse...

Imagine então pra mim, que vim la do nordeste, cresci comendo fruta fresca e tomando sucos frescos!!
Sinto falta das frutas exoticas, que pra mim era ,mais do que comuns: cupuaçu, bacuti, graviola, manga, acerola... No Brasil tb tem temporada pra elas, mas são acahveis o ano todo...
... e aqui a gente nem acha... rsrsrsrs
Mas não há nada com o que vc não possa se acostumar, então to me adaptando ;)
Bjokas

Anônimo disse...

Eiiii Miiiiiiiiiiiiiih
Passandoooo aquiiiiiiiii só p daaar um alôuuu!!!

Ameeei esse post! Nunca moreeei fora, fui duas vezes p França passear e no café da manhã sempre comia melão e morangos. Pensava que encontrava de tudo aeeeee.

Adoreeeei seus posts de Buda, tooooou looooooooooooooooooouca p conheceeeeeeeeeeeeeeeeeer!!!!

Continueee postaaaando sempreeee! Amoooooooooooooooo leeeeeeeeeeeeeer o que escreveee amapooooa!!!


Um beijo cheio de gliter da mais poderosaaa do Orkut

D I V A - T R A S H

Maitê Oliveira disse...

Pra quem esta acostumado com todos os tipos de frutas como nós brasileiros deve ser terrível não ter tanta variedade o ano todo...
E é claro que nós nunca damos valor, eu sou a primeira a reclamar que não tem o que eu quero...rsrsrsrs quando na verdade tem e eu é que reclamo de mais.

Beijos
Adoro o seu blog, passo aqui sempre para ler os posts...

Fernanda disse...

Pra mim o inverno é o mais dificil. No final nao aguento mais comer, maça e pera, mexerica,couve flor, repolho e batata, "andive", "mache". Fico cansada dessa falta de variedade. Mas aprendi que os legumes e as frutas congeladas sao congelados na "saison" ai acostumei com os congelados que nao tem gosto nehum. Como nao sou criativa na cozinha minha filha sofre tadinha rsrsrsrs

Vânia Gex-Fabry disse...

Realmente as frutas daqui têm seu período certo, e os franceses tem por hábito esperar esse período.
Quanto as frutas brasileiras, eu as encontro aqui em mercado próximo a minha casa, super fresquinhas, docinhas e saborosas, só que isso tem um custo, são mais caras, e nem se comparam com as vendidas em supermercados como o Carrefour e companhia, (na hora do desejo é valido o gasto). São frutas colhidas maduras super embaladas e transportadas via avião. O Abacaxi e a manga via avion por exemplo derretem na boca de tão doce. Mas como bem comentado por alguém, em compensação aqui temos verdadeiros iogurtes naturais cremosos com polpas de frutas verdadeiras, não aquela agua com açúcar e corante que são vendidos no Brasil. Em compensação temos excelentes queijos, vinhos,a preços bem gentis.E uma das coisas que eu mais gosto aqui neste periodo é poder apreciar o morango francês (chamado de garriguete e o mara de bois, fresquinhos que de tão macios derretem na boca (esses morangos não se encontram no Brasil), as framboesas, os pêssegos, as ameixas daqui a pouco. Portanto entre os prós e os contra eu ainda prefiro a França, de preferência na primavera, com muitos produtos frescos, como alcaçofras, aspargos, tomatinhos grapes etc.,. Carla

Vânia Gex-Fabry disse...

Desculpe os erros, e que minha filha estava gritando nos meus ouvindos.
Não sei de onde tirei esse Carla!

Tatiana disse...

Oi Mirelle.
Caramba...ha quanto tempo eu nao passava por aqui,nao tenho visto as suas atualizacoes no meu blog list, vou te seguir outra vez pra ver se consigo.
É incrível,mas as vezes, precisamos morar fora para valorizar certas coisas dos países que moramos antes.
Nao posso reclamar porque adoro morar aqui na Floria, e quanto as frutas, tenho toda uma seleção. Mas com certeza, certas frutas sao bem mais caras, como o mamao por exemplo.
Bjs.

ana paula disse...

Olá Mirelle, tudo bem? Acabo de conhecer o seu blog e estou adorando! quem sabe um dia moro na França também...mas por ora só ando sonhando!
Vi as fotos do seu casamento e achei maravilhosas! Tanto é que entrei em contato com o fotógrafo para fazer algumas fotos (estarei em julho em Paris com meu marido). No entanto, o preço dele é um pouco mais caro do que o da Fabiana Maruno (indicado pelo Conexão Paris). O Dominique me disse q quem fará as fotos é uma outra fotógrafa que trabalha com ele. Agora fiquei na dúvida. Pode me dar um conselho? De repente alguém já comentou sobre o trabalho de ambos, a qualidade, etc.
Obrigada
Ana

Mirelle Siqueira disse...

Oi Ana Paula! Olha, eu não conheço o trabalho da Fabiana, mas adorei o do Dominique. Você pode perguntar pra ele se essa fotografa que faria as fotos no lugar dele tb tem um blog, pra vc ver o estilo das fotos dela. Faça o mesmo com a Fabiana. Eu escolhi o Dominique olhando as fotos dele na internet mesmo, sem indicação nenhuma. Procurei "fotografos em Paris" e me apaixonei pelo estilo dele. Eh verdade que os preços não são os mais em conta, mas pra mim valeu pelo resultado. Boa sorte!

Ana Paula disse...

Obrigada pela atençao Mirelle! Vou analisar certinho o custo-benefício e decidir o que vai se encaixar melhor. Apesar de que é difícil alguma foto ficar ruim em Paris, né? Valeu!

Oscar | MauOscar.com disse...

Mirelle

Sei bem do que voce esta falando na Alemanha era a mesma coisa... Aqui nos EUA tambem de certa forma, mas como o pais tem dimensoes continentais aqui acabamos tendo produtos made in USA durante quase todo o ano.. Mas os melhores pessegos que ja comi na vida foram aqueles produzidos aqui em Delaware mesmo.. Assim como os maiores e mais doces morangos e cerejas la na california...
Por outro lado esses tempos era a epoca do caqui, importado la de Israel que eram MARAVILHOSOS... Engracado que as frutas chilenas para mim aqui nao tem gosto de nada...

Ando mega atrasado com as leituras de Blogs...
Adorei seu Post :)

tereza disse...

Nossa, seu blog é absolutamente delicioso: os textos, as fotos e, claro, a história de vocês! Costumo a ler alguns blogs, mas quase nunca me senti compelida a comentar como agora. Adorei..

D I V A T R A S H disse...

Genteee, saudadesss dos seus posts!!!

Seeei que você não gostaaa do sentimento de "ser obrigada a postar" mas é que é muitooo bom seus textos!!! Quero ler sempre mais e mais!!!

Enquanto não não vejo um programa seu na tv, quero ler suas postagens!!!

Um beijooo grandeeeeee cheio de gliteeer p você amapoa!

Continueee arrazaaaaaaaaaaandooowww

D I V A T R A S H

Leni disse...

Poisé Mirelle, que delícia deve ser morar na França né?! Euq aundo estive aí, não hesitei em comprar maças. :D É tudo muito escasso mesmo, mas cada lugar tem suas belezas certo!?
Adorei o seu blog!!!
Beijos

anacec disse...

Oi, Mirelle!
Ha um tempo atras (no post de Israel) estive perguntando sobre o moroccanoil, lembra! Pois é, será que vc lembra o nome da loja ou onde fica! É que quem irá é minha mae, entao queria dar pra ela tudo ´mastigado´, pois ela é super enrolada!!!
Desculpe incomodar e obrigada!
E que bom que vc voltou!!!

Mirelle Siqueira disse...

Oi Ana, comprei na Ben Yehuda Street, em Jerusalem. Eh um calçadão com muitas lojas dos dois lados, pra quem esta descendo a rua, a lojinha que comprei fica do lado direito. infelizmente não lembro o nome, mas não é dificil achar, é uma lojinha pequena so de produtos pra cabelos e eles estao bem na vitrine... se ela descer do lado direito, olhando bem ( a rua não é tão longa assim), ela acha! mas olha, deve ter em muitas outras lojas tb, eu é que não tive tempo de procurar mesmo!!! boa sorte!

beijos!

Leia também:

Related Posts with Thumbnails